<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=488926721270482&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
Na hora de escolher
15 de Julho de 2021.

Método construtivo: você precisa saber qual foi o do seu apartamento antes de reformar

Comprar o apartamento dos sonhos é uma conquista e tanto. Mas o que poucas pessoas sabem é que, após este passo, a etapa seguinte, que é a de adequação do imóvel às necessidades da família – seja ela com reforma ou mudanças estruturais no imóvel -, vai depender do método construtivo utilizado no empreendimento.

Explicando melhor, o método construtivo corresponde ao tipo de técnica utilizada para dar sustentação ao imóvel. No Brasil, o método mais utilizado é a alvenaria convencional, mas além desse sistema também existe a alvenaria estrutural, o pré-fabricado e outras tecnologias de construção.

Vamos conhecer alguns desses métodos de construção de imóveis logo abaixo:

1. Alvenaria Convencional

2. Alvenaria Estrutural 

3. Pré-Fabricado

 

Alvenaria convencional

Pode-se dizer que a alvenaria convencional é o método mais tradicional no Brasil. Também conhecido como alvenaria de vedação, neste sistema utilizam-se colunas, vigas e lajes de concreto armado para dar sustentação à obra. Além da qualidade final da construção (quando bem executada), permite a construção de vãos e há mais facilidade em realizar mudanças futuras nos ambientes.

Segundo o engenheiro Ricardo Monteiro, Diretor de Engenharia da Setin Incorporadora, a maioria dos empreendimentos da empresa têm utilizado esse método, pois ele oferece mais facilidade para o cliente reformar ou fazer grandes mudanças, já que não tem vigas para atrapalhar.

“Além disso, nas vedações internas temos utilizado a construção seca, o famoso drywall, que faz pouca sujeira caso o cliente queira reformar o apartamento”, explica.

Monteiro ressalta que além dos benefícios apontados na alvenaria convencional, para facilitar ainda mais as reformas, a Setin tem utilizado o sistema de polietileno reticulado flexível (PEX), composto por tubulações flexíveis sem emenda, que não sofre corrosão e pode ser usado tanto nas redes prediais de água fria quanto para água quente. “Isso dá muita facilidade para o cliente futuramente fazer manutenção ou mesmo modificar o banheiro dele, por exemplo”.

Ou seja, a qualidade final da obra, durabilidade e maior possibilidade de customização fazem da alvenaria convencional uma boa opção se a ideia é alterar a estrutura do seu apartamento em SP.

 

Veja também:

Conheça as principais vantagens de comprar um imóvel novo

Comprou um apartamento novo? Você vai precisar dessa lista

 

Alvenaria estrutural

A principal característica desse modelo é que a sustentação da obra fica por conta das paredes, construídas com blocos estruturais. Aqui, colunas e vigas são dispensáveis e cabe à parede o papel de reforçar a própria estrutura da edificação.

A grande vantagem da alvenaria estrutural é a redução no custo e no uso dos materiais, além de possibilitar uma execução mais rápida da obra.

Mas se você está pensando em demolir paredes para ampliar ambientes, cuidado, esse modelo não permite que elas sejam removidas ou modificadas. Se optar por apartamentos construídos em alvenaria estrutural, aquela sala ampliada ou cozinha americana (caso não façam parte do projeto), devem ficar de fora dos planos da reforma do apartamento studio ou qualquer outro apartamento.

 

Pré-fabricado

Pouco utilizado no Brasil, é um sistema no qual a estrutura é montada previamente em uma fábrica ou em instalações industriais. Concebida em forma de módulos, depois de pronta, a estrutura é instalada sob uma fundação. É muito utilizado na fabricação de casas e é mais comum encontrar esse método no exterior.

A vantagem desse modelo fica por conta da rapidez na construção e na economia de materiais.

 

Na hora de reformar

Agora que conhece os métodos construtivos, antes de pensar na reforma, verifique com a construtora qual método foi utilizado no empreendimento para ter ideia das mudanças estruturais que poderá executar no apartamento.

E além de pensar no orçamento, projeto e duração da obra, também não se esqueça das autorizações e licenças necessárias para iniciar a reforma. Profissionais como engenheiros e arquitetos podem auxiliar nesse processo.

 

Procurando por um apartamento pronto para morar? Confira algumas opções:

Conheça o empreendimento da Setin na Barra Funda       Nova call to action       Conheça o empreendimento da Setin na Vila Nova Conceição