<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=488926721270482&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
Comprar e negociar
20 de Junho de 2018.

Principais diferenças entre apartamentos tipo studio e kitnets

Cidades como São Paulo, grandes centros de negócios, de cultura e com ótimas opções de universidade, sofrem com um problema: falta de espaço. Não à toa as casas com grandes quintais foram substituídas por geminadas, sobrepostas e prédios. E os apartamentos também vêm sendo repensados quando o assunto é aproveitamento de espaço. Com essa nova demanda, surgiram os apartamentos compactos, primeiro as kitnets, e mais recentemente os studios.

Se você precisa adquirir um imóvel, é importante entender bem a diferença entre eles para fazer a escolha certa. Vamos começar conhecendo as características de cada um deles:

Apartamento compacto

Imóveis com metragem reduzida, os apartamentos compactos abriram o caminho para as opções menores. Este tipo de imóvel, tem metragem de 40, 30, 25 metros quadrados e até menores, com divisões internas bem definidas: sala, cozinha, quarto e banheiro. Nos apartamentos compactos, a área privativa, apesar de pequena, visa contemplar toda a rotina diária dos moradores.

Estes apartamentos, segundo dados do Secovi-SP, representaram aproximadamente 50% das unidades lançadas na capital paulista em 2017.

Kitnet

As kitnets têm tamanhos que variam entre 20 e 40 metros quadrados. Via de regra são formadas por um cômodo, que reúne quarto e cozinha, além do banheiro. As kitnets geralmente ficam em condomínios com uma infraestrutura básica, sem muito requinte nem serviços agregados.

A tradução do nome kitnet, do inglês para o português, explica o conceito: cozinha pequena. Geralmente são apartamentos mais simples nos acabamentos e arquitetura, por isso, menos valorizadas em relação a outras opções, como o studio.

Studio

Os studios são bastante populares em outros países, conceitualmente bem parecidos com os lofts. Também contam com cozinha americana integrada à área social, e sua metragem costuma ficar entre 18 e 50 metros quadrados. Os apartamentos do estilo studio são mais requintados e seus condomínios costumam oferecer mais comodidade e conforto, com espaços de lazer e convivência.

Podendo ou não terem paredes na divisão dos quartos, os studios tem como principal conceito tirar da área privativa cômodos pouco utilizados no dia a dia, como área de serviço e escritório, por exemplo. Esses espaços são oferecidos de maneira compartilhada nas áreas comuns do condomínios.

Por isso, este tipo de empreendimento tem facilidades em áreas de lazer, como piscinas, saunas, espaço fitness, salão de jogos, espaço gourmet e até escritórios nos moldes de home office. Os mais modernos oferecem, por exemplo, wi-fi nas áreas comuns, além de tecnologias voltadas à segurança dos moradores. E um ponto crucial: os studios são localizados em áreas estratégicas da cidade.

#Studio ou kitnet: como fazer a melhor escolha

Essas opções de imóveis tem algumas semelhanças, mas há diferenciais entre eles que não podem passar despercebidos. E para fazer a melhor escolha, é preciso analisar a sua realidade.

Para quem está buscando um imóvel para o filho ou filha, que está vindo para a capital paulista estudar ou iniciar carreira, um studio se mostra uma excelente opção. Afinal, mobilidade, conforto e segurança são imprescindíveis, assim como tempo e disposição para cuidar da casa são escassos, quase inexistente não é mesmo?

Veja porquê você deve considerar seriamente a aquisição de um studio:

  • Excelente custo x benefício, com requinte e espaços do imóvel pouco utilizados, como lavanderia, fora da área da unidade;
  • Geram menor custo com limpeza e demais cuidados;
  • Economizam tempo com arrumação e organização;
  • Menos tempo de deslocamento no trânsito por conta da localização;
  • Localização privilegiada na área central de São Paulo, centro comercial e cultural;
  • Mobilidade facilitada, com fácil acesso às linhas de metrô e ônibus;
  • Oferecem grande disponibilidade de infraestrutura para estar em casa cercado de comodidade;
  • Promovem maior possibilidade de interação com os vizinhos, por conta das áreas comuns;
  • Por serem mais modernos, atendem requisitos importantes de segurança;
  • A menor metragem o torna mais confortável e aconchegante;
  • Existem unidades prontas e até decoradas, o acesso é imediato com condições facilitadas.
  • Alto potencial de valorização. Além da grande demanda por locação por estar em grandes centros.

Sabe aquela frase “menos é mais”, tão comum na atualidade? Ela certamente estará presente em um moderno empreendimento de studios. Lixo zero, redução de impactos ambientais, espaços compartilhados, menos preocupação com a manutenção do apartamento: são alguns exemplos importantes disso.


Que tal conhecer um empreendimento assim? Acesse nosso site e conheça opções que se encaixam perfeitamente neste estilo de imóvel. Compartilhe esse texto com seus amigos e seus filhos, quem sabe não é exatamente isso que vocês estão procurando!

Nova call to action