<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=488926721270482&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
Tendências
5 de Agosto de 2021.

Os melhores bairros de SP para investir em imóveis residenciais para aluguel

Se você tem uma reserva financeira e está em busca de um bom investimento vale a pena dar uma olhada nas possibilidades de aquisição de um imóvel para locação. A rentabilidade dos aluguéis tem movimentado o mercado imobiliário da capital paulista nos últimos meses, ao superar a inflação no primeiro semestre. Segundo o Index da ImovelWeb de junho, a relação aluguel/preço anual ficou em 5,80%, enquanto o preço de venda médio para imóveis na cidade de São Paulo subiu 2,2% no mesmo período. Já a inflação ficou em 4,1%, o IGP-M subiu 17,7%.

Veja também:

O que torna Pinheiros especial para quem quer morar perto do trabalho e do lazer 

Perdizes: IDH Europeu na Zona Oeste de São Paulo 

 

No período, o aluguel médio de um apartamento SP de dois dormitórios (65 metros quadrados) ficou em R$ 3.458/mês (R$ 53 o metro quadrado), enquanto o de três dormitórios ficou em R$ 4.552/mês (R$ 48 o metro quadrado).

Entre os bairros monitorados pela Imovelweb, os aluguéis na zona Sul são os que ofereceram o melhor retorno para o investidor no primeiro semestre, 6,6%, seguidos pelo Centro e Leste (+6,0%) e Oeste (+5,9%). Para quem deseja investir nesses bairros, a Setin tem opções interessantes como os apartamentos studio ST Studios (localizado na Vila Mariana), o Essência Perdizes, ou o Insight e o HI Pinheiros, no caso dos bairros da Vila Leopoldina e Pinheiros.

Pelo critério bairro, a região central da Sé é outro ponto bastante atrativo, com retorno bruto de 8,1% na taxa de preço de aluguel. Para os interessados em investir nessa vizinhança, a Setin oferece os empreendimentos da Linha Downtown, como o República e o Nova República.

Em outra pesquisa, o índice Quinto Andar de Aluguel mostra que no mês de junho, a Vila Madalena (R$ 47,9 o metro quadrado) e Pinheiros (R$ 47 o metro quadrado) seguiram entre os bairros que mais valorizaram, ao lado de Vila Nova Conceição, Real Parque e Vila Olímpia.

Em junho, o valor médio do metro quadrado para aluguel na capital paulista ficou em R$ 34,90, destaca a pesquisa do Quinto Andar. Entre os bairros que ficaram mais próximos dessa média estão Pompeia (R$ 34,1), Saúde (R$ 34,1), Higienópolis (R$ 34,4), Vila Mariana (R$ 35,4) e Bom Retiro (R$ 35,9).

Pesquisa mensal do Sindicato da Habitação (Secovi-SP) sobre Locação Residencial confirma esse cenário ao apontar alta de 3,12% no índice de junho no comparativo anual.

Avaliando o risco/retorno

Em um ambiente econômico ainda tenso no mercado doméstico, com a segunda etapa do projeto de reforma tributária ameaçando taxar os rendimentos de cotistas de Fundos de Investimento Imobiliário (FII), a procura por investimentos de retorno mais garantido segue acirrada.

No texto que ainda aguarda aprovação do Congresso, está prevista a tributação de dividendos distribuídos para pessoa física no caso de FIIs com cotas que são negociadas em bolsa.

 

Que tal investir em imóveis Setin nessas regiões?

Conheça o empreendimento da Setin em Pinheiros  Nova call to action  Que tal conhecer o empreendimento da Setin em Perdizes?