<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=488926721270482&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
Onde morar
9 de Outubro de 2019.

Os bares e baladas que estão renovando a vida noturna do Centro de SP

O Centro de São Paulo está se tornando, cada vez mais, o destino ideal para quem gosta de uma vida noturna agitada. Em meio à modernização e às revitalizações de prédios históricos, estão surgindo novos bares, restaurantes e baladas.

Mas essa diversificação não atrai somente quem trabalha ou mora no Centro. Afinal, esses novos points estão se tornando referência como opção de badalação na cidade para públicos variados.

Como a região conta com inúmeras opções, selecionamos alguns dos bares, restaurantes e baladas que vêm ganhando destaque. Seja pela decoração inusitada, pelo som alternativo ou pelo circuito exclusivo, eles merecem ser visitados. Vamos lá?

5 lugares que estão agitando a vida noturna noite do Centro de SP

1 - Tokyo

Localizada em um prédio tombado na rua Major Sertório, a Tokyo é considerada uma ótima opção para quem mora ou frequenta a região central à noite. Inaugurada em maio de 2018, conta com decoração futurista e oferece atrações para todos os gostos.

Ao longo dos seus nove andares, você pode encontrar:

  • Restaurante;
  • Rooftop;
  • Bar;
  • Sala de karaokê;
  • Palco e espaço coletivo;
  • Cinema;
  • Teatro;
  • Tattoo;
  • Área para exposições.

Além disso, na cobertura, é possível aproveitar a pista de dança e um visual exclusivo do Copan e do Edifício Itália.

2 - Bar do Cofre

Aberto em fevereiro deste ano, o Bar do Cofre está situado em um famoso prédio histórico tombado que passou por grande modernização. Ele está localizado no subsolo do atual Farol Santander - antigo Edifício Altino Arantes -, que já abrigou o cofre do Banco do Estado de São Paulo.

Com decoração elegante e imponente, oferece ótimos drinks, trilha sonora agradável e gastronomia variada. Possui desde petiscos clássicos de boteco até pratos gourmet mais requintados.

3 - Bar dos Arcos

No Bar dos Arcos o ambiente, por si só, já é atrativo. Além de contar com uma decoração rústica e futurista, está localizado no subsolo do Teatro Municipal.

O nome do local faz referência às suas estruturas. Quando foi construída, não existia cimento. Por este motivo, elas eram sustentadas por arcos romanos e pedras. Desde então, mesmo com o projeto de modernização, o formato foi mantido, criando um clima de taberna do século XIX.

O bar é dividido em duas áreas de convivência:

  1. Área com balcões comunitários, que receberam retro iluminação – o que dá um toque futurista;
  2. Espaço composto por mobiliário, como poltronas, sofás e mesas.

    Localizado na Praça Ramos de Azevedo, esse é um dos bares com maior variedade de bebidas, incluindo uma seleção especial de cervejas e vinhos. É também um dos mais descontraídos, com destaque para a presença de uma piscina de bolinhas – ideal para comemorar aniversários ou confraternizar com os amigos.

4 - Red Bull Station

O Red Bull Station surgiu em meio ao contexto de modernização e reafirmação da região central da cidade. Trata-se de um espaço de energia criativa localizado na Praça da Bandeira que visa inspirar, conectar e transformar as pessoas.

Ele está localizado em um prédio tombado como patrimônio histórico e que já foi sede da subestação de energia Riachuelo – desativada em 2004. Reaberto em 2013, conta com cinco andares e, hoje, é considerado um importante centro de artes, música e multimídia da cidade.

No ambiente, é possível conferir eventos diversos, som alternativo e shows exclusivos. Levando em conta que eles valorizam a cultura local e a diversidade.

5 - A Balsa

Localizada na rua Capitão Salomão, A Balsa é um dos bares mais conhecidos pelos amantes da vida noturna. Criado com o objetivo de revitalizar e promover a modernização de uma área abandonada no Centro, ela fica nos quarto e quinto andares de um prédio comercial antigo.

No quarto andar, foram dispostos o bar e as mesas. A decoração chama muito a atenção, já que mistura toques modernos com retrô e quadros antigos com plantas. Juntos, oferecem a sensação e o aconchego típicos de “casa de vó”.

Já o quinto andar, é um terraço composto por luzes, plantas, música ambiente e uma vista diferenciada para o Viaduto do Chá, Vale do Anhangabaú e Edifício Martinelli.

Quem é fã de baladas mais tranquilas, vai se sentir em casa na A Balsa!

Gostou de conhecer um pouco mais sobre a vida noturna do Centro? Então, aproveite e leia também nossas 8 dicas de lazer para curtir o centro de SP.