<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=488926721270482&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
Comprar e negociar
1 de Agosto de 2018.

8 Dicas Para Escolher Bem Seu Condomínio

Escolher o condomínio que você vai morar daqui para frente é uma das decisões mais importantes para acertar em cheio no seu novo apartamento!

Os cômodos são bem distribuídos na planta, a estrutura está em perfeitas condições e a aparência nem se fala, mas na hora de comprar apartamento, um detalhe que muitas vezes não é levado em conta é o perfil do condomínio do qual ele faz parte.

Esse é um grande erro, já que a utilização das áreas comuns e as regras de condomínio são definidas de acordo com o estilo e as necessidades dos moradores. Se o perfil dos condôminos for muito distinto, isso pode gerar desavenças em relação aos interesses e isso pode fazer toda a diferença na sua qualidade de vida e na da sua família. Por isso, é preciso prestar muita atenção nesse assunto.

Para não errar na hora da escolha, nós separamos 8 ótimas dicas para escolher bem o condomínio e garantir que tudo corra da melhor maneira possível. Assim, sua satisfação será garantida!

Dicas Incríveis Para Comprar Apartamento Com um Ótimo Condomínio

Se você achar que vai se esquecer de todos esses pontos na hora de fazer a visita ao condomínio, leve a lista em seu celular e tenha tudo o que precisar a apenas alguns toques na tela de distância!

1 - Procure a Opinião de Outros Condôminos

Você pode passear por todo o condomínio e olhar tudo o que ele tem, mas dificilmente sua opinião será tão fundamentada quanto a das pessoas que já moram ali há mais tempo.

Se você acha que comprar apartamento naquele condomínio parece uma boa ideia, converse com os outros moradores e veja o que eles acham a respeito do espaço. Assim, sua opinião será muito mais fundamentada.

Para garantir mais imparcialidade nas opiniões, fale com mais de uma pessoa sobre o condomínio. Assim, a escolha poderá ser feita muito mais facilmente.

2 - Coloque a Infraestrutura na Balança

Se você está em dúvida entre dois apartamentos com valor, tamanho e demais características bastante parecidas, o desempate pode vir através do que o condomínio pode oferecer a você e sua família.

A infraestrutura que esses espaços oferecem podem fazer toda a diferença na hora de comprar apartamento, já que é muito mais prático contar com uma academia dentro do condomínio do que ter que pagar pelas mensalidades em outro lugar.

Ao colocar tudo isso na balança, você verá que os condomínios podem mudar totalmente a forma com a qual você passa os seus dias, o que por sua vez influencia em sua qualidade de vida.

Nova call to action

3 - Considere o Valor do Condomínio no Seu Orçamento

O condomínio pode ser supercompleto, mas você precisa ter certeza de que o custo caberá no seu bolso para não ter problemas no futuro.

Saber o que vale mais a pena entre alugar e comprar imóvel depende do seu orçamento e o valor do condomínio é um item importante nessa conta, para que você se planeja corretamente.

É claro que esse valor será revertido em todos os benefícios que você terá à disposição, mas essa questão precisa ser considerada para não ter surpresas no seu orçamento.

4 - Analise o Apartamento e o Condomínio em Conjunto

Ter um apartamento grande não significa que ele terá tudo aquilo que você precisa, da mesma forma que um apartamento pequeno também pode não ser sinônimo de falta de conforto, muito pelo contrário.

Se você descobrir as principais diferenças entre apartamentos tipo Studio e kitnets, vai perceber que ambos geralmente são pequenos, com a diferença de que os studios contam com uma infraestrutura incrível para seus moradores.

Logo, você pode comprar apartamento que não tenha um escritório dentro da sua unidade, mas cujo condomínio tenha um espaço destinado exclusivamente para esse fim, ou seja, suas necessidades serão atendidas com ainda mais eficiência.

5 - Tenha Certeza Sobre a Segurança do Condomínio

Infraestrutura à parte, a segurança é um dos principais detalhes que você precisa se atentar para comprar apartamento, já que aquele será o seu lar durante um bom tempo.

Ainda durante a conversa com os condôminos, você pode se assegurar de que o local é realmente seguro, inclusive à noite e em épocas comemorativas, para que essa não seja uma preocupação durante todos os seus dias.

Portarias, interfones, câmeras de segurança e controle de acesso são alguns dos fatores que podem ser analisados para não ter que se preocupar em relação a isso.

6 - Estude Sobre as Opções Para Animais de Estimação

Você pode pesquisar como aproveitar ao máximo as facilidades de serviços dos apartamentos, mas não se esqueça de analisar como o condomínio se comporta em relação aos animais de estimação.

Alguns deles impõem restrições que podem ser bastante incômodas para você e seus pets, como não permitir que eles percorram determinadas áreas ou não ter qualquer tipo de tolerância em relação aos barulhos dos animais.

Se você já tem um animal de estimação ou tem planos de ter um, verifique as regras do prédio, bem como se ele tem um pet place para você levar o seu animalzinho.

7 - Existe a Possibilidade de Melhorias?

O condomínio pode parecer maravilhoso, com segurança, qualidade de vida, bons serviços e infraestrutura de ponta, mas será que isso será suficiente daqui a uns 5 anos? E depois de mais tempo?

Outro fator que você deve analisar é a possibilidade de melhorias que o espaço oferece e como o condomínio se preocupa com a preservação daquilo que já existe atualmente.

Dessa forma, o investimento a longo prazo que se caracteriza ao comprar apartamento lhe trará o melhor custo-benefício possível.

8 – Qual é o perfil dos moradores?

Uma característica que faz muita diferença no dia-a-dia é o perfil dos moradores do prédio onde você está procurando apartamento. Se você é casado e tem filhos pequenos ou pais idosos com você, não seria indicado morar em um lugar onde a maioria dos condôminos é formada por jovens solteiros. 

Os espaços comuns e as melhorias para o condomínio sempre são pensadas para as maiorias e isso pode causar um desencontro de interesses caso você esteja em um prédio onde você é exceção. Isso pode ser um problema.

Escolha o Condomínio dos Seus Sonhos!

Depois de analisar cada um desses pontos, então você pode partir para o restante dos detalhes que tornarão seu sonho em realidade, como a decoração de apartamento compacto ou outras características que a unidade precisa ter.

Tenha certeza de que essas dicas serão fundamentais na hora de comprar apartamento e não se arrepender do condomínio, então siga cada uma à risca e faça um excelente negócio!

Nova call to action